INOVAÇÃO NAS EMBALAGENS DEVE SER FEITA DE FORMA COLABORATIVA

07 abr 2017

No quarto dia do Fórum FEIPLASTIC, especialistas apresentaram as principais tendências do mercado e a necessidade de se obter informações dos envolvidos da cadeia antes de lançar determinado produto

São Paulo, abril de 2017 – Antes de ser lançada no mercado, a empresa produtora precisa saber se a embalagem em questão é realmente aprovada pelo consumidor. Mais do que isso, para tanto, há a necessidade de se buscar informações prévias com todos os envolvidos na cadeia produtiva. É desse modo que se pode minimizar ao máximo a probabilidade de erros e perdas no negócio. No quarto dia da FEIPLASTIC 2017 – Feira Internacional do Plástico, o Fórum FEIPLASTIC tratou do tema “Inovação do Plástico na indústria das embalagens” e a conclusão entre os debatedores foi a de que para se chegar à inovação com mais eficiência é preciso fazer isso de forma colaborativa.

O Fórum foi aberto pelo principal do The Boston Consulting Group (BCG), Dan Reicher, que abordou a temática da inovação sob o ponto de vista das empresas e dos grandes grupos, em todas as áreas.

Reicher afirmou que as empresas mais inovadoras do mundo não estão apenas na área de tecnologia, como mostra o senso comum. Empresas de aviação e as ligadas ao turismo, por exemplo, foram capazes de criar boas ideias dentro de suas áreas de atuação que geraram ótimos negócios, segundo ele. “O imperativo para se chegar a uma inovação realmente viável é avaliar muitas ideias até se chegar a algo válido”, ressaltou.

INVESTIR EM NOVAS IDEIAS É O ÚNICO CAMINHO PARA A SOBREVIVÊNCIA

“Inovação não é mais opção, é o único caminho”, sentenciou o coordenador de Embalagem no setor de  Desenvolvimento de Mercado da Braskem, Albertoni Bloisi, que participou do círculo de debates sobre inovação e embalagens no Fórum FEIPLASTIC. Ele afirmou que as empresas precisam aprender com as startups (organização caracterizada por um grupo de pessoas trabalhando em conjunto para viabilizar novas ideias de produtos e serviços), que geralmente possuem poucos recursos e são muito rápidas para corrigir eventuais erros. “A ideia boa nunca nasce pronta, ela é fruto de um processo em construção contínua, com método e colaboração”, destacou.

É também por meio da colaboração que a diretora de Pesquisa e Desenvolvimento para Embalagens e Especialidades da Dow, Angels Domenech, descreveu o processo de trabalho na sua empresa. Segundo ela, as soluções para os desafios impostos pelas demandas do mercado são abordadas de forma “holística”. No caso das embalagens para alimentos essas abordagens são feitas pensando na segurança alimentar, na minimização de desperdícios, nas eventuais perdas no transporte, entre outros cuidados. “Sempre trabalhamos com o conceito de embalagens com mais funcionalidades, ou seja, mais leves, seguras e que abrem com facilidade”.

Para o executivo de Comunicação da Abipet (Associação Brasileira da Indústria do PET), Hermes Contesini, a embalagem é também uma ferramenta de marketing. Aos olhos do consumidor, continuou Contesini, o produto e o invólucro acabam sendo uma coisa só, daí a necessidade de se avaliar esse segmento de uma maneira especial. Sobre inovação, o executivo da Abipet resumiu dizendo que não se trata necessariamente de algo complexo, em boa parte das situações, ela pode ser obtida de maneira simples. “Às vezes, a solução está na prateleira ao lado, na embalagem de um produto que nada tem a ver com o seu”, sugeriu

EXPOSITORES APROVEITAM O 4º DIA DA FEIPLASTIC PARA AMPLIAR CONTATOS E DAR VISIBILIDADE À MARCA

No quarto dia da FEIPLASTIC 2017, expositores procuraram ampliar os contatos para novos negócios e receber seus clientes de modo especial. É o caso da Milliken, empresa global de especialidades químicas, revestimento e materiais de alto desempenho. “A Feira nos permite reduzir tempo de deslocamento e dar um atendimento diferenciado aos nossos clientes e prospects. Nosso estande foi planejado para que as embalagens tenham destaque aos olhos dos visitantes, e isso tem funcionado”, relatou o gerente Técnico da empresa, Edmar Nogueira.

Para o diretor da Maqplas, Ciro Lafaiete Saad, a FEIPLASTIC tem se mostrado o local ideal para a divulgação de sua marca. O executivo também elogiou a receptividade da organização, aspecto que sem dúvida ajudou no processo de tomada de decisão para participar da feira. “Sabemos que o momento pelo qual passa o país não é bom. Todavia, precisamos ser vistos pelo mercado, mostrar a marca, os lançamentos e ter esta aproximação com os clientes”, afirmou. A Maqplas é fabricante de máquinas para embalagens flexíveis e acessórios para corte e solda.

LANÇAMENTOS PARA O SETOR DE EMBALAGENS NA FEIRA

No setor de transformados plásticos, o segmento de “alimentos” que corresponde basicamente ao de embalagens, ocupa a segunda posição do ranking dos principais consumidores de plástico, na indústria, de acordo com dados da ABIPLAST. Confira alguns lançamentos de produtos para embalagens na FEIPLASTIC 2017:

MILLIKEN – Participa da Feira apresentando o clarificante concentrado NX UltraClear®, que proporciona ao polipropileno (PP) altíssima transparência, ideal para a confecção de embalagens e recipientes cujo conteúdo precisa estar protegido e à vista. A ação do clarificante é capaz de superar o tradicional aspecto translúcido do PP em embalagens termoformadas (moldadas em altas temperaturas), criando uma transparência similar àquela do PET e PS (poliestireno), mas com os benefícios ambientais e de desempenho do material.
UBE - Expõe duas opções de nylon que podem ser usadas em embalagens flexíveis retort: o 5033FD8 (um copolímero 6/6.6) e o 1024FD50 (um nylon 6) que se comportam perfeitamente durante o processo e garantem que a embalagem chegue ao ponto de venda com todas as suas propriedades barreiras inalteradas e sem comprometer a vida de prateleira do produto.

Jon Wai - Apresenta a máquina injetora JW-180SETS, incluindo um projeto completo para produção de tampas de garrafas pet totalmente automatizado.

Serviço: FEIPLASTIC 2017 – Feira Internacional do Plástico
Data: 3 a 7 de abril de 2017
Horário: das 11h às 20h
Local: Expo Center Norte
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme – São Paulo
www.feiplastic.com.br

Mais informações para imprensa:
2PRÓ Comunicação
e-mail: reed@2pro.com.br
Teresa Silva - (11)3030-9463
Myrian Vallone - (11) 3030-9404
Luciano Somenzari – (11) 3030-9435

 



Aplicativo de Celular
Em breve o aplicativo gratuito estará disponível para download nos sistemas Android e iOS.
Cadastre-se para ser avisado

Newsletter

Preencha o formulário abaixo para receber as novidades da Feiplastic. Fique por dentro de tudo o que acontece.

Cookies são utilizadas para operar este site e para melhorar a sua usabilidade. Os detalhes completos sobre o que são os cookies, por que os usamos e como você pode gerenciá-los, podem ser encontrados na nossa página Privacidade & Cookies. Por favor, leve em consideração que ao utilizar este site você concorda com o uso de cookies.